Workshop Coffeepaste: “There” com Anton Skrzypiciel

Datas de realização

13 e 14 de Janeiro 2018 (sábado e domingo)

Sinopse

We often describe performers as “having presence”. A certain something that makes us believe that they somehow exist more fully than everyone else. Is that simply a natural gift or is there a way to learn to be more present, to be more fully realised in space and in the way we approach performance? What physical/vocal/intellectual skills play a part in making us fully realised performers? Must we forget that we are being observed or fully embrace the gaze of the audience/camera? What is the difference between a solo, a duet or a group dynamic in terms of how we need to engage with ourselves and others?
Over the course of the two days I will be proposing various exercises based around idea of action and reaction in both the emotional and physical sense to various situations. Sometimes purely physical and sometimes based on simple texts.
Each participant should know the words to their favourite pop song and bring along a book that contains a descriptive text that they particularly like.
Come prepared with clothes that are easy to move in.
The workshop will be taught in English

Frequentemente descrevemos os performers como “tendo presença”. Algo que nos faz acreditar que eles de alguma forma existem de forma mais completa que o resto das pessoas. Será simplesmente um dom natural, ou há alguma forma de aprender a estar mais presente, mais realizado no espaço e na forma como abordamos a performance? Que capacidades físicas/vocais/intelectuais desempenham um papel em fazer-nos performers mais realizados? Temos de esquecer que estamos a ser observados ou abraçar completamente o olhar do público/câmara? Qual é a diferença entre um solo, um dueto, e uma dinâmica de grupo em termos de como precisamos de nos ligar a nós e aos outros?
Durante dois dias, vou propor vários exercícios baseados na ideia de acção e reacção, tanto no aspecto emocional quanto físico, a várias situações. Por vezes puramente física, e por vezes baseada em textos simples.
Cada participante deverá trazer sabida a letra da sua música pop preferida, e trazer um livro que contenha um texto descritivo de que goste particularmente.
Tragam roupa confortável e propícia ao movimento.
O workshop será dado em inglês

Local

Rua das Gaivotas, 6
1200-202 Lisboa

Destinatários

Profissionais: Actores, bailarinos,

Preço

65€ (pagamento até 5 de Janeiro)
75€ (a partir de 6 de Janeiro)

Anton Skrzypiciel

Anton was born in Melbourne, Australia and trained in London at The Webber Douglas Academy for Dramatic Art and at the Laban Centre. He has danced most notably for Matthew Bourne, Arthur Pita, Aleta Collins and a twenty year collaboration with Rui Horta. As an actor he has worked with Patricia Portela, and Joao Garcia Miguel, performing in numerous award winning theatre pieces. He has also performed in a number of television series and feature films. He has been a member of company Winterguests, directed by Alan Øyen, for 5 years.

Anton Skrzypiciel nasceu em Melbourne, Austrália, e teve formação em Londres, no Webber Douglas Academy for Dramatic Art e no Laban Centre. Entre outros, dançou para Matthew Bourne, Arthur Pita, Aleta Collins, e teve uma colaboração de vinte anos com Rui Horta. Como actor, trabalhou com Patrícia Portela e João Garcia Miguel em várias peças premiadas. Também participou em diversas séries de televisão e no cinema. É membro há cinco anos da companhia Winterguests, dirigida por Alan Øyen

Inscrição

Preenche aqui o formulário de pré-inscrição

Mais informações

Tipo

Formação

Disciplinas

Dança, Teatro

Localidade

Lisboa