Caminhos do Médio Tejo

Por Pedro Mendes

Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Sertã, Tomar, Torres Novas, Vila de Rei e Vila Nova da Barquinha. São estes os treze municípios que compõem a região do Médio Tejo. Juntos apresentaram às instituições europeias um projecto que visa dinamizar a cultura e envolver as populações daquelas localidades. O projecto (Caminhos do Médio Tejo) foi aprovado por três anos e em 2017 aconteceu a primeira edição. Esta iniciativa tem a curadoria de Luís Sousa Ferreira, programador responsável por iniciativas como o Festival Bons Sons e o 23 Milhas.

A programação inclui propostas para todas as idades, e faz incursões pela música, teatro, dança, circo contemporâneo, teatro de rua e percursos artísticos.

O Coffeepaste esteve presente no último fim de-de-semana da edição de 2018 da iniciativa (Caminhos da Pedra), e assistiu a eventos no Sardoal, Fátima, Torres Novas e Ourém. Para que fiquem com uma ideia do que são estes Caminhos, descrevemos brevemente as sete iniciativas que presenciámos.

19 de outubro 2018

Concerto: La Negra

Sara Ribeiro é uma actriz já com algum percurso nos palcos portugueses. Colaborou, entre outros, com o criador João Garcia Miguel. Faz agora uma incursão pela música como La Negra. Neste concerto, pudemos testemunhar a intensidade e fisicalidade que caracteriza a interprete, em temas que alternam entre a delicadeza e o intenso, quase sempre com um pendor interventivo.

20 de outubro 2018

Percurso: Francisco Goulão. Andão mortos por sima dos vivos

Francisco Goulão estudou a zona das Lapas, em Torres Novas, e planeou um percurso artístico nessa área. Os participantes foram guiados pelas ruas, casas, e grutas locais, ao sabor da história de Maria Loba. Foi uma forma de habitar as ruas, e de visitar (ou revisitar) memórias e espaços, acompanhados por uma banda filarmónica e por um rancho folclórico.

Circo Contemporâneo: Companhia Erva Daninha. Savar A. M.

A Companhia Erva Daninha trouxe-nos uma performance inspirada num grave acidente que aconteceu numa fábrica de vestuário no Bangladesh em 2013. Mais sobre este espectáculo no contraCenas.

Música: Voz à Solta. Marcha das Almas – Projeto de Comunidade

Rui Souza, compositor e performer, imaginou este projecto que incluiu membros da população dos municípios de Ourém e Vila Nova da Barquinha. Juntos deram forma e voz a uma criação que percorreu as ruas de Fátima. Com cânticos de várias proveniências, abordaram temas como o pão, o trabalho, e o nosso tamanho no mundo. Uma espécie de procissão que atraiu muitos olhares curiosos e interessados.

Música: Norberto Lobo com Ricardo Jacinto e Marco Franco

Norberto Lobo (guitarra), Ricardo Jacinto (violoncelo) e Marco Franco (bateria). Foram estes os três músicos que subiram ao palco para um concerto intimista, introspectivo, e muito belo no Teatro Meia Via em Torres Novas. Uma hora em que Norberto Lobo nos fez viajar pelo seu universo musical, e a que o público não ficou indiferente.

21 de outubro 2018

Percurso: Burilar De mapa na mão

A Burilar, com a parceria de um designer gráfico, conceberam um percurso pelas ruas e passado de Ourém. No inicio do percurso foi-nos dado um caderno / guia / mapa, onde constam pensamentos, instruções e desafios. Aos poucos, fomos descobrindo curiosidades e histórias, quer na voz dos performers, quer nos locais por onde fomos passando.

Música: Senza

Catarina Duarte e Nuno Caldeira viajaram muito, especialmente pelo oriente. Dessas viagens resultaram já dois álbuns de canções, com colaborações de, entre outros, Rao Kiao e Júlio Pereira. Neste concerto levaram-nos a viajar com eles e com as histórias que nos trouxeram em forma de música.

Este é, pois, um programa que cumpre a sua missão de descentralizar a cultura, e envolver as populações locais. Passo a passo, o país fica mais rico e diverso. Aguarda-se com expectativa a próxima edição.

Mais informações sobre esta iniciativa, que voltará a acontecer em 2019, em https://caminhos.mediotejo.pt/

Foto: Hugo Magro/Caminhos da Pedra 2018

Deixa o teu Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.