Hashtag #digital – 10 coisas que deves fazer na tua página de Facebook

Por Pedro Mendes

1) Ponto prévio: Cria uma página

Uma página no Facebook é diferente do teu perfil pessoal. O teu perfil é, como o nome indica, pessoal, estando associado à tua pessoa. Uma página, por outro lado, refere-se a uma empresa, associação, estrutura ou marca, de forma a divulgar as suas actividades. Por isso, mantém os assuntos pessoais no perfil, e os assuntos da actividade na página. Não quer dizer que não possa haver cruzamentos, mas a regra base é essa. Uma das vantagens de teres uma página é que não estás limitado a 5 000 “amigos”. O número de likes que podes ter é ilimitado.

2) Escolhe uma boa imagem de capa e de perfil

Para imagem de perfil da tua página escolhe o teu logotipo, ou uma foto tua se a actividade for à volta do teu trabalho enquanto indivíduo. O logotipo deverá ser criado por um profissional, e não te esqueças que o barato sai caro. A tua foto também deverá ter qualidade, já que te representará junto dos teus seguidores. A imagem de perfil deverá ter 180×180 píxeis, mas deverá ter boa leitura a 32×32.
A imagem de capa, que fica no topo da página, deverá ter 851×315 píxeis, e deverá ilustrar a tua atividade. Se fores uma estrutura artística, poderá ser uma foto de cena, ou uma foto que represente o teu trabalho.

3) Diversifica os conteúdos que partilhas

Publica conteúdos visuais atractivos: fotografias e vídeos. De preferência fotos exclusivas que podes tu tirar ou pedir (ou pagar) a alguém para tirar. Em alternativa podes usar sites com imagens livres de direitos, como por exemplo o Unsplash. Em relação aos vídeos, se fizeres upload em vez de fazeres link para outro site (como por exemplo o YouTube) a probabilidade deste ser visto por mais pessoas é maior. Outros tipos de conteúdos úteis são links para artigos no teu blog (se tiveres), para blogs de outras pessoas e entidades, e citações relevantes.

4) Pin to top

Uma funcionalidade que muitas pessoas desconhecem é o “Pin to top”. Dessa forma,, a publicação ficará no topo da tua página até 7 dias de cada vez, e assim darás maior visibilidade a um conteúdo que te interesse destacar.

5) Publica mais do que uma vez por dia

Hoje em dia, com mais de 2 mil milhões de utilizadores, as publicações que vês são de um cada vez menor número de pessoas. Para aumentar a probabilidade de seres visto, publica pelo menos uma vez por dia, e de forma consistente ao longo do tempo. Poderás também ter de investir em promover alguns posts mais importantes, que queres que cheguem a mais pessoas.

6) Interage com o teu público

O Facebook valoriza muito a interação dos visitantes com a página. Podes fomentar essa participação publicando questões e depois participando nos comentários, ou fazendo apelos à acção, tais como subscrever a tua newsletter, visitar o teu site, ou comentar uma foto.

7) Faz Passatempos

Uma excelente forma de interação com os visitantes, é a realização de passatempos. Se fizeres parte de uma estrutura artística, poderás oferecer entradas para os espectáculos. Podes também encontrar parcerias com outras estruturas e serviços, e assim dar certas mais-valias a quem visita a página.

8) Partilha noticias do teu meio

Mantém-te atento às notícias que vão saindo da imprensa sobre a tua área de actividade, aos assuntos “quentes” do dia, assim como a datas marcantes. Podes criar um ficheiro onde vais recolhendo links e depois vais partilhando na página, com uma pequena introdução.

9) Responde rápido

Deves responder rapidamente a todas as mensagens que recebes na página, e ser útil a quem te procura. Além de ser uma boa prática de negócio, passas a ter uma indicação na página de que respondes depressa.

10) Preenche a secção “About”

A secção “About” deve conter informação relevante sobre a tua actividade, sobre quem és e o que fazes. Quem vos visita pela primeira vez recorre muitas vezes a esta secção para decidir se lhe interessa fazer “like”.

Conclusão

São muitos os aspectos a ter em conta para teres sucesso com a tua página de Facebook. Não tentes implementar todos ao mesmo tempo. Vai experimentando um de cada vez, espera um tempo e depois adiciona outro método. Faz um plano e vai implementando e medindo os resultados. Assim terás forma de avaliar quais as acções mais eficazes. Boa sorte e sucesso!

A Linguagem Próxima, de que o Coffeepaste faz parte, presta agora o serviço de consultoria digital. Sabe mais aqui.

Pedro Mendes
Formado em Engenharia de Informática, trabalha há cerca de 20 anos no mundo digital, e publicou um livro de entrevistas com startups portuguesas. Tem tido vários blogs desde 2002. É um apaixonado desde sempre pelas artes e cultura. É um dos fundadores do Coffeepaste.

Deixa o teu Comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.