NO TEMPO DO CORPO

Yoga, elementos de Dança Sensível, Mindfulness

Um dia dedicado a “mergulhar para dentro”, à atenção do corpo, do seu tempo, para deixar emergir o seu potencial e as suas necessidades, além das ondulações da superfície

Libertando-nos durante algumas horas das distrações que os nossos dias cheios de atividades costumam trazer, podemos entregar-nos a um outro ritmo, interno, e olhar mais fundo, nesse outro espaço que nos pertence

Para nos ajudar neste percurso iremos utilizar um conjunto de práticas baseadas no yoga, na Dança Sensível e no mindfulness. Iremos praticar no estúdio e no meio da natureza.

Uma oportunidade para nos encontrarmos, na relação connosco e com os outros; tempo para sentirmos e escutarmos a vida tal como se manifesta nas várias dimensões que nos constituem; tempo para o corpo como referência e terreno a explorar.

Dança Sensível
A abordagem corpórea da Dança Sensível, método criado nos anos 90 por Claude Coldy (bailarino/coreógrafo) e o casal Marie e Jean Louis Dupuy (osteopatas), integra experiências do movimento consciente e dança com elementos de escuta subtil da osteopatia.
É um convite a desacelerar, retomar contacto com o corpo, com as sensações e percepção, ao encontro da sua coerência, também espacial e relacional

Esta prática propõe revisitar algumas etapas fundamentais da evolução para reviver conscientemente o processo de verticalização do ser humano e sua memória evolutiva. As práticas operam ao nível mais profundo na estrutura músculo-esquelética, permitindo-nos descobrir o potencial da forma e estrutura do nosso corpo

As propostas consistem em estruturas coreográficas e improvisadas nas quais o “praticante” é considerado um “viajante” a descoberta das respostas inesperadas que surgem do corpo, abrindo novas possibilidade de expressão. A Dança Sensível encontra a sua máxima expressão na natureza, onde a experiência directa com os quatro elementos, permite entrar em contacto com os equivalentes que existem dentro de nós e que constituem o nosso sistema biológico. A natureza externa ajuda-nos a encontrar a nossa natureza interna, mais íntima. www.danzasensibile.com

Francesca Bertozzi (Cesena, Italia 1975)
Licenciada pela Escola Superior de Dança de Lisboa 2004. Conclui em 2020 a formação em Dança Sensível, método que integra experiências do movimento consciente com elementos de escuta subtil de osteopatia, em Itália, sob a direcção de Claude Coldy. Como bailarina, interpreta: Matrioska de Tiago Guedes, Eye Height de Beatriz Cantinho e Ricardo Jacinto, Zoo de Victor Hugo Pontes, No Fim era o Frio de Inês Jacques e Mão Morta, entre outros.
Como actriz interpreta, no papel principal de Inês, o espectáculo de teatro imersivo “E Morreram Felizes Para Sempre” de Nuno Moreira, com encenação de Ana Padrão.
È interprete e coreografa dos solos: Náufrago e Pensando a Ofelia.
Pela Companhia de Teatro de Almada cria o movimento dos espectáculos: O Feio, Noite da Liberdade, Bonecos de Luz e Migrantes.
Tem colaborado enquanto formadora com: Ar.Co, Festival Materiais Diversos, F.O.R.,Teatro Maria Matos, Inimpetus, Quinta Ten-Chi, entre outros.
Paralelamente aos projectos artísticos, tem vindo a desenvolver actividades pedagógicas enquanto formadora, leccionando aulas e laboratórios de dança contemporânea, criativa, movimento para actores, movimento e práticas somáticas em estúdio e na natureza.

Julieta Almeida
A Julieta é praticante de yoga há mais de vinte anos, com vários professores, de diversas escolas, em Portugal e na Índia. Há alguns anos atrás, sentiu que era o momento de começar a partilhar as práticas e técnicas cujos benefícios sentia de forma tão clara. Além da participação regular em retiros, cursos e palestras de yoga, meditação budista e mindfulness, completou o curso dot-b, da Mindfulness in Schools Project com Kevin Hawkins e Paula Kearney, e o Professional MBSR Teacher Training, da UCSD Center for Mindfulness, com Steven Hickman e Alan Goldstein, assim como todo o processo de qualificação para instrutora de mindfulness dessa instituição. Concluiu em 2020 o curso de formação de instrutores do CPY, com orientação do professor Carlos Rui Ferreira.

Data limite de inscrições
14 de Junho (mediante pagamento)

Local
Estúdio de Corpo e Alma, Almoinhas Velhas/Malveira da Serra 2755-199 Alcabideche, Portugal

Datas de realização
19 de Junho

Como inscrever-se
francesca.bertozzi@gmail.com

Inscrições até 14 de Junho mediante pagamento (por MBWay e transferência bancária)
(max 16 participantes)

Custo
Valor em troca: entre 50€ e 70€, ao critério de cada participante

Contactos
francesca.bertozzi@gmail.com

https://www.facebook.com/francesca.bertozzi.18/

http://francescabertozzi.weebly.com/

Mais informações

Tipo

Formação

Disciplinas

Dança, Outra

Localidade

Alcabideche