Dobra, Dobra, Estica, Estica

Por Andréa Zamorano Para Nivaldo Tenório A instrutora insistia dobra, dobra, estica, estica. Bem me esforçava, os tornozelos inchavam, os joelhos se queixavam, quando não era a coordenação que falhava. Persistia obstinada, dobra, dobra, estica, estica. Me empenhando em fletir o corpo e mover as cadeiras de um lado para o outro no ritmo das […]

Uma montanha-russa chamada Ciclone: um livro que nasceu no Teatro

Turbilhão, confusão, emoção… São sentidos para a palavra adolescência, pela pena dos próprios, aqueles que a estão a viver no presente. Mas não só. Foi o que descobriram Miguel Fragata e Inês Barahona, fundadores da companhia Formiga Atómica quando se decidiram a ouvir este público tantas vezes emparedado entre crianças e adultos. Tudo começou precisamente […]

Cinco dias em Guadalajara

Por Ricardo Viel DIA 1: Sábado, 24 «O interesse neste evento superou as nossas expectativas, pedimos desculpas àqueles que não puderam entrar e cumprimentamos os que assistem a partir do lado de fora», escuta-se no átrio do auditório do Pavilhão de Exposição da Feira Internacional do Livro de Guadalajara, a FIL. Quem diz estas palavras […]

Deste Mundo e do Outro: um escritor em Alta voz

Por Ana Margarida de Carvalho É um pensamento recorrente meu, e provavelmente também acontecerá a muitos outros leitores. Sempre que ocorre algo de aviltante, algum atropelo feroz dos direitos humanos, parar e pensar: o que é que José Saramago diria disto? Porque quando o perdemos, no dia 18 de Junho de 2010, não perdemos só […]

A Lenda da Mulher Sem Duche

Por Andréa Zamorano _ Essa noite aconteceu uma coisa esquisita. _ O quê? _ Tive a impressão de ver um mulher tomando banho às três da manhã? _ Como assim? _ Fiquei com uma daquelas insónias miseráveis que atacam no meio da madrugada. Sabe como é, acordei e já não consegui mais dormir. Fui até […]

Dez Livros com o Mar ao Pé

Por Sara Figueiredo Costa Tempos houve em que os suplementos de Verão aconselhavam leituras ligeiras, narrativas cuja capacidade de inquietar leitores era inversamente proporcional à frequência desejada com que as ondas chegavam a uns metros da toalha. Isto, claro, presumindo que todos os leitores tinham férias no Verão, e que todos escolhiam a praia como […]

O mundo caleidoscópico de Pieter Hugo

Por Sara Figueiredo Costa No Museu Berardo, em Lisboa, a exposição Entre a Espada e a Palavra, do fotógrafo sul-africano Pieter Hugo, ocupa várias salas do piso -1 e pode ser vista até ao próximo dia 7 de Outubro. Produzidas entre 2003 e 2016, as fotografias organizam-se em quinze séries temáticas que percorrem lugares como […]

As gavetas de José Mário Branco

O que guardamos de um criador para além do resultado mais visível daquilo que cria? À margem de livros, quadros, discos, coreografias, há outros objectos, fragmentos e elementos documentais que concorrem para o que viremos a conhecer como a obra de alguém e que, muitas vezes, são tão inacessíveis ao público como os processos mentais […]

Lisboa saramaguiana

Por José Saramago Entre 1979 e 1980 José Saramago andou pelo seu país de ponta a ponta para escrever «Viagem a Portugal», livro de crónicas que seria publicado em março de 1981. Não se trata de um guia de turístico, explicou o autor, mas de um relato subjetivo de um viajante atento que pelo caminho […]

Não vamos nos calar

Por Andréa Zamorano Dois dias depois dos terríveis assassinatos da vereadora Marielle Franco e do seu motorista Anderson Gomes, o Brasil – ou aquilo que se acreditava ser o Brasil – foi tomado por uma profusão de notícias que dão conta da situação aterradora em que nos encontramos. A seguir a comoção que se espalhou […]