Workshop Coffeepaste – Plataforma285: modelos de trabalho usados até aqui (uns melhores que outros)

Com Cecília Henriques e Raimundo Cosme

Datas de realização

18 e 19 de junho 2022 (sábado e domingo)
10h00-13h00; 14h00-18h00

Sinopse e objectivos

A Plataforma285 é um coletivo multidisciplinar de criação, fundado em 2011, com o intuito de criar espetáculos de teatro. Trabalhando em regime de colaboração criativa, a companhia desenvolveu dezassete criações.

Este será um laboratório de experimentação sobre os pressupostos artísticos e métodos de interpretação seguidos pela Plataforma285. Partindo de alguns textos e propostas cénicas de espetáculos passados, a companhia investiga em conjunto com os participantes outras formas de colocar estas mesmas ideias em cena. Utilizam-se, reutilizam-se e redescobrem-se modelos processuais utilizados pela companhia no desenvolvimento deste tipo de trabalhos, não como propostas fechadas, mas como exemplos tentativa-erro de resoluções possíveis.

Local

Estúdio da Companhia Clara Andermatt
Rua dos Caetanos, 26 (Bairro Alto)
Lisboa

Destinatários

Atores, criadores, performers e alunos de teatro.

Preço

100€

Plataforma285

A Plataforma285 é um coletivo multidisciplinar de criação, fundado em 2011, com o intuito de criar espetáculos de teatro. Trabalhando em regime de colaboração criativa, a companhia desenvolveu dezassete criações. O nosso trabalho distingue-se pelo desenvolvimento de uma dramaturgia original, assente na procura da não teatralidade e de novas linguagens criativas. Pretendemos um trabalho autoral, a procura da intertextualidade, a construção de “realidades” habitadas por actores (não por personagens). Trabalhamos com uma rede alargada de colaboradores e artistas associados.

Cecília Henriques

Nasceu em 1989 em Viseu. É atriz e criadora. Vive em Lisboa. Tirou o curso de Artes da EPAO e frequentou a ESTC. Em teatro trabalhou com Jorge Silva Melo, Franzisca Aarflot, Solveig Nordlund, John Romão, Vasco Araújo, André Godinho e André Teodósio. Trabalha regularmente com o coletivo Cão Solteiro como atriz e cocriadora em diversos espetáculos. Fundou, em 2011, a Companhia de Teatro Plataforma285, onde trabalha como diretora e atriz até à data. Em Cinema, trabalhou com Alberto Seixas Santos, Gonçalo Luz, Solveig Nordlund, André Pradal, André Godinho e Cácá Dieugues. Nos últimos anos tem trabalhado regularmente em diversos projetos de televisão e dobragens.

Raimundo Cosme

Licenciado em Teatro pela ESAD.CR no ano letivo 2008/09, foi-lhe atribuído o prémio Alumni Carreira 2021 pelo IPLeiria. Frequenta atualmente o Doutoramento em Artes Performativas e Imagem em Movimento, da Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa. É, desde 2009, colaborador da Companhia de Teatro Cão Solteiro, trabalhando regularmente como ator e cocriador em diversos espetáculos e projetos. Em teatro, trabalhou ainda com Rui Mendes, Diogo Dória, Carlota Lagido, André e. Teodósio, Vasco Araújo, André Godinho, Teatro do Vestido, José Eduardo Rocha, Marco Martins, José Carlos Plaza, entre outros. Foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian através dos programas Língua e Cultura Portuguesas e Apoio à Criação. Em 2011 fundou a Companhia de Teatro Plataforma285, onde trabalha como ator, encenador, dramaturgo e diretor artístico. Como encenador criou ainda “The Institute Of Global Solitude”, em colaboração com a companhia grega de teatro Blitz Theatre (Teatro Maria Matos/ EGEAC, em 2016). Trabalhou em algumas produções de televisão. Em cinema, trabalhou com André Godinho, Manuel Pureza, Luciano Sazo, Gonçalo Galvão Telles, Jorge Paixão da Costa, Bruno Gascon, Marguerite de Hillerin, Félix Dutilloy-Liégeois e Ben von Grafenstein.

Inscrição

Preenche o formulário de pré-inscrição abaixo, e entraremos em contacto contigo com os detalhes de pagamento ou respondendo a qualquer questão que tenhas.